segunda-feira, 24 de junho de 2013

C O N S O L A Ç Õ E S





“O Evangelho Segundo o Espiritismo”, no seu capítulo VI, nos apresenta o Cristo Consolador, dizendo: “Vinde a mim, todos vós que sofreis o que estais sobrecarregados e eu vos aliviarei. Tomai meu jugo sobre vós, e aprendei de mim que sou brando e humilde de coração, e encontrareis o repouso de vossas almas; porque meu jugo é suave e meu fardo é leve”. (Palavras de Jesus narradas em Mateus, Cap. XI,- vrs. 28 a 30).


Todos os sofrimentos: misérias, decepções, dores físicas, perda de entes queridos, encontram sua consolação na fé no futuro, na confiança na justiça de Deus, que Jesus veio ensinar aos seres humanos. Eis o que Jesus quis dizer: “Vinde a mim, todos vós que estais fatigados e eu vos aliviarei”. Entretanto, Jesus coloca uma condição à sua assistência e à felicidade que promete aos aflitos; essa condição é a observância da lei, que é suave, uma vez que impõem por dever a caridade e o amor.

Disse ainda Jesus: “Se vós me amais, guardai meus mandamentos e eu pedirei a meu Pai, e Ele vos enviará outro Consolador, a fim de que permaneça eternamente convosco: O Espírito de Verdade que o mundo não pode receber, porque não o vê nem o conhece. Mas quanto a vós, vós o conhecereis porque permanecerá convosco e estará em vós. Mas o Consolador, que é o Santo Espírito, que meu Pai enviará em meu nome, vos ensinará todas as coisas e vos fará relembrar de tudo àquilo que eu vos tenho dito”. (João, cap. XIV, vrs. 15,16,17 e 26).

A Doutrina dos Espíritos vem no tempo marcado, cumprir a promessa do Cristo: O Espírito de Verdade preside a sua instituição, chamando os seres humanos à observância da lei e ensina todas as coisas, em fazendo compreender tudo o que o Cristo disse somente por parábolas. O Cristo disse ainda: “Que ouçam os que têm ouvidos para ouvir”.

Assim o Espiritismo realiza o que Jesus disse do Consolador Prometido: conhecimento das coisas, que faz o ser humano saber de onde vem, para onde vai e porque está na Terra: chamando todos ao cumprimento da lei de Deus e consolando pela fé e pela esperança.

A Doutrina dos Espíritos é consoladora por que...

-Elimina a ideia de um Deus vingativo e mau, informando que o Criador é onisciente, onipresente, onipotente, imaterial, único, Inteligência Suprema que rege o Universo com justiça e sabedoria, através de leis imutáveis e universais;

-Esclarece que o Pai Celestial nos criou a fim de que, por mérito próprio, alcancemos a perfeição relativa;

-Torna claro o que é o livre-arbítrio, explicando as desigualdades sociais,

morais, intelectuais e materiais, com base nas escolhas que cada Espírito faz em sua trajetória evolutiva;

-Comprova a sobrevivência do Espírito imortal, após a morte do corpo físico; retira o véu de incertezas e mistérios acerca do mundo espiritual, explicando o que acontece quando há a morte do corpo material;

-Explica a ação dos fluidos utilizados no passe e na água magnetizada, bem como sua ação no reequilíbrio físico e espiritual;

-Possibilita uma maior compreensão da prece, poderoso instrumento de autoconhecimento e ligação com a espiritualidade superior, abrindo canais de inspiração e auxílio;

-Impulsiona a realização da reforma íntima, pois esclarece que “somos herdeiros de nós mesmos”, alertando para a Lei de Causa e Efeito;

-Remete à fé raciocinada, através do estudo das Leis Divinas, criando fortes alicerces para superar obstáculos, realizar a caridade e compreender o amor de Deus;

-Possui tríplice aspecto: ciência, filosofia e religião, sendo uma ciência que trata da natureza, origem e destino dos Espíritos, bem como de suas relações com o mundo espiritual;

-Faz compreender que a dor é prova ou expiação e, quando suportada com resignação e fé, auxilia na melhora moral e no resgate de erros do passado, impulsionando a evolução espiritual;

-Esclarece os ensinamentos de Jesus, modelo e guia da humanidade, facilitando a compreensão e a vivência de suas lições;

-Mostra o sentido e a razão da encarnação quando responde de modo claro e racional a perguntas como: Quem sou? De onde vim? Para onde vou? Qual o significado da existência? Qual o futuro da humanidade?

-Faz da Casa Espírita uma escola de almas, na busca da superação das mazelas morais, objetivando a harmonia e a melhora espiritual do ser imortal, que somos...

= = =

Tu, que buscas consolo e respostas para tantas perguntas até hoje indecifráveis, verifica se elas não estão bem perto de ti. Sinta-as. Deixa tua mente limpa de outros pensamentos e descobrirás as respostas para as tuas dúvidas. Sê fiel nas tuas perguntas, que encontrarás o que procuras. Para aquele que busca a mente lhe responderá os questionamentos.

Se perdeste alguém a que muito amavas, não a procures entre os mortos, pois não o encontrarás. Ele está bem junto de ti, pois ele não morreu. Encontra-se desencarnado, mas não liberto; invisível, mas não ausente. O verdadeiro ser, que é Espírito, não morre, não desaparece. Apenas não o vê, porque teus pensamentos ainda estão presos a seu corpo físico. Ele é apenas o invólucro, onde se alojou o Espírito para poder crescer espiritualmente, através das experiências vivenciadas. Não deves prender-te a essa corpo, mas ao seu Espírito, aquele que foi criado por Deus e é eterno.

O amor que dedicavas a essa pessoa, jamais deixará de existir, mesmo que o Espírito deixe o corpo físico. O amor é um sentimento que dura eternamente, e sendo o Espírito eterno, o amor também o é. Pensa, portanto, fortemente, com convicção, crendo que ninguém morre ninguém deixa de existir. O que acontece é somente a mudança de uma situação para outra, para o progresso espiritual. A existência terrena nada mais é que uma passagem da anterior para uma próxima existência. Deus não criou o ser humano, para depois destruí-lo. Não teria sentido algum. O ser humano (Espírito) foi criado para viver eternamente.

= = =

Quando te sentires deprimido, achando que a existência não tem mais sentido para ti; quando parecer que tudo acabou, que tua missão já foi cumprida e que nada mais resta a fazer neste mundo; e achares que cumpriste todas as tuas obrigações de filho, de pai, de esposo e de amigo: Para um minuto, e analisa tua existência, teus sentimentos. Se ainda estás aqui na Terra, se continuas existindo, é sinal de que alguém ou alguma coisa está precisando de ti. Talvez tua esposa precise de um braço forte a seu lado; talvez teus filhos necessitem de teus conselhos para encaminharem com retidão suas existências. Talvez aquele amigo precise de algumas palavras que o reanime novamente, e só tu o conseguirás, porque só tu tens as palavras certas; somente tu conseguirás dar-lhe novo alento, consolando-o, pois esta é a tua missão. A ti foram destinados dons para dividi-los com os outros. Se foste o escolhido para alguma missão deves cumpri-la, pois só assim é que te sentirás feliz. Transforma a tua tristeza em algo positivo. Ajudar teu amigo ou alguém que precise de ajuda, somente trará benefícios para ti, tornando-te uma pessoa feliz. Desta forma, tuas ações tornar-se-ão uma realidade e transformarás a existência dos outros. Segue, pois, ajudando e consolando, porque essa é a missão de todos os que desejam o bem estar e a evolução espiritual.

= = =

Se estiver á procura da felicidade não a encontrarás fora de ti, pois ela já existe em teu interior. A felicidade é feita de pensamentos nobres, boas palavras, atos bons e belas atitudes. Quando compreenderes isso, não precisarás mais procurá-la por ai. Teus pensamentos, palavras, atos e atitudes deverão sempre conter algum significado, pois só assim é que descobrirás o que procuras. Ela vive contigo, faz parte da tua existência, pois não é matéria nem algo exterior. A felicidade pode simplesmente ser um pensamento bom, uma palavra de consolo, uma atitude correta e boa. Se pensares, falares e agires somente coisas boas, pode ter a absoluta certeza que já a encontraste em ti mesmo.

= = =

Agradece a Deus a pessoa que és. Agradece a teus pais, a tua esposa, a teus filhos. Agradece como foste criado, agradece a tua força de vontade, tua persistência, tua maneira de ser e de viver. Agradece por poderes ver as coisas belas que existem no mundo; agradece o teu trabalho, as pessoas que convivem contigo, agradece aos amigos que tem, os bons pensamentos, boas atitudes, por seres sincero, bom e honesto, sem problemas de consciência. Agradece também a quem te quer bem e àqueles que não compartilham de tuas ideias, tuas atitudes; agradece enfim, a tudo e a todos. Agradece principalmente a Deus por estares nesta existência que vai te levar a perfeição.

= = =

Hoje temos uma mensagem para alguém muito especial. A você que teve um dia bastante atarefado. Que passou horas à espera de um ônibus para levá-la ao serviço ou para ir às compras. A você que levantou bem cedo, arrumou a casa, fez o café da manhã, depois deixou as crianças no colégio e ainda teve tempo para uma pequena oração a Deus. A você que luta diariamente contra o relógio, pois necessita de todo minuto para cumprir suas tarefas. A você que, seja qual for a cara do marido, dos filhos e dos vizinhos, ainda tem tempo para sorrir. A você que espera um agradecimento, um pequeno agradecimento, pelas grandes coisas que faz. A você que trabalha, da um duro e, ainda assim, não reclama jamais.

Esta mensagem é só para você, não é para dividi-la com ninguém. É uma mensagem de agradecimento de paz e de amor. De agradecimento por tudo o que faz em seu lar sem salário nenhum; de paz, por sua maneira de ser, de tratar os outros com muita bondade; de amor por ser uma verdadeira mulher que tem carinho por todos sem esperar retribuição; por dar muito mais do que recebe; por ser aquela em quem se pode confiar, porque dela, só boas coisas virão. A você, esposa ou mãe que tratar a todos com muito afeto e com amor é que é destinada esta mensagem de agradecimentos. . .



Fontes:

Livro “O Evangelho Segundo o Espiritismo”

“ ”O Que é o Espiritismo”

“ “Caminhos da Paz”

+ pequenas modificações



Jc.

S.Luís, 23/6/2013







Nenhum comentário: